quarta-feira, 14 de fevereiro de 2007

Como tomar uma todo dia e não ser chamado de cachaceiro

Bom bebedor precisa ser erudito na língua falada popularmente no Brasil. No post anterior, coloquei as definições para cachaça presentes do Dicionário Houaiss. São 420 diferentes nomes.
O bebedor brasileiro erudito têm à mão uma variedade de nomes de bebidas que suspeito que nenhum outro ser planetário deva ter. É possível tomar uma dose por dia, durante todos os dias do ano, inclusive na Semana Santa, sem repetir. E mais: aos domingos está liberada uma dose extra. Ainda sobram três doses extras para tomar durante o ano. E não pode ser chamado de cachaceiro. Toda esta bebedeira não inclui uma única dose de cachaça, apenas de abre, abre-bondade, abre-coração, abrideira, abridora, aca, ácido, aço, acuicui, a-do-ó, água, água-benta, água-bórica...(veja a lista completa aqui)
Se o bebedor for mais moderado e só toma nas tardes de sexta e aos sábados e domingos, poderá tomar duas doses por dia durante o ano, ou seis doses por semana. Sobrará uma reserva estratégica de 108 doses para tomar em feriados, aniversários, velórios e jogos de futebol importantes.
As contas acima ainda permitem uma dosesinha esporádica de cachaça. Nnguém é de ferro e se você precisar tomar de vez em quando uma cachacinha, jamais será chamado de cachaceiro por isso.


PS: Só mesmo um dia em Minas Gerais para estimular um blogueiro a fazer contas acima.

3 comentários:

Cejunior disse...

Wanderley meu amigo, você não está abusando não ?? rsrsrs

Renata disse...

mineirinha eu tb sou, mas dispenso a cachaça!!! Prefiro um champanhe mesmo...rs..
Bjos pra vc!

Teo Taveira (5º semestre de Jornalismo da Unimep) disse...

De onde veio tanta sabedoria? Meu pai gostaria de ter você como filho, sabia?

Um abraço, professor!